No primeiro semestre de 2009, a Master.D, através do Departamento de Empresas já conseguiu colocar o mesmo número de formandos em estágio que em todo o 2008. O esforço é significativo e o sentido é muito claro. Aliar à formação uma componente mais prática, especificamente no mercado de trabalho.

Contactando com uma realidade profissional os formandos têm a oportunidade de exercer as competências adquiridas, testar por eles próprios os seus conhecimentos e, sem qualquer tipo de dúvida, enriquecer o seu curriculum vitae.  Se pensarmos que um estágio constitui uma oportunidade de excepção para contactar os empregadores, então estaremos num bom caminho para os nossos formandos garantirem um posto de […]